Áudios
#1 – Milton Nascimento e o Clube da Encruza
Música negra do Brasil
26.4.2022

#1 – Milton Nascimento e o Clube da Encruza

“Música mesmo é Milton quem faz”, diz Ricardo Aleixo logo no início de seu áudio-ensaio, o primeiro da série Música Negra do Brasil, que terá um convidado a cada mês. O artista e pesquisador mineiro joga luz sobre a obra de Milton Nascimento a partir, principalmente, do álbum “Milagre dos peixes” (1973). Oito composições foram vetadas pela Censura, e o cantor as interpretou sem dizer os versos, valendo-se de sua voz sem igual. Para Aleixo, o cantor é uma “pessoa muitas”, uma “encruzilhada”. Ao lado de Natália Alves, Aleixo destaca os cruzamentos de Milton com os trabalhos de Naná Vasconcelos, Paulo Moura e Clementina de Jesus. Os três, artistas negros de grande força, participam de “Milagre dos peixes”.

 

Roteiro, captação e tratamento de áudio, desenho de som e locução: Ricardo Aleixo

Captação e tratamento de áudio, assistência de desenho de som e locução: Natália Alves

Programação da série “Música negra do Brasil”: Bernardo Oliveira

Trilha da vinheta: Mbé

Programação visual: Mariana Mansur

 

Artista e pesquisador das poéticas intermídia, Ricardo Aleixo é doutor em Letras: Estudos Literários, por Notório Saber reconhecido em 2021 pela UFMG. Suas obras mesclam poesia, prosa ficcional, filosofia, etnopoética, antropologia, história, música, radioarte, artes visuais, vídeo, dança, teatro, performance e estudos urbanos. É autor de 15 livros, dentre os quais se destacam a antologia poética “Pesado demais para a ventania” (Todavia, 2018) e “Extraquadro” (Impressões de Minas/Lira, 2021).

O podcast Música Negra do Brasil também está disponível nas plataformas: Spotify, Deezer, Apple Podcast e Amazon Music.

 

Conteúdo relacionado